Sisan Empreendimentos Imobiliários Vai Ajudar o Grupo Silvio Santos a Sair da Crise?

By | sábado, novembro 20, 2010 Leave a Comment
Recentemente o mercado financeiro foi surpreendido pela informação de que o Banco Panamericano mergulhou em uma dívida de R$ 2,5 bilhões. A empresa, pertencente ao GRUPO SILVIO SANTOS, juntamente com as lojas do Baú da Felicidade, o Sistema Brasileiro de Televisão, a Liderança Capitalização, a Braspag, a Auto Moto Shopping Vimave, a Jequiti Cosméticos, a Sisan Empreendimentos Imobiliários, entre outras, forma o império do apresentador que leva o nome do grupo.


Todo o patrimônio do empresário foi colocado como garantia para utilização do Fundo Garantidor de Crédito (fundo dos bancos que garante crédito a acionistas e clientes em caso de problemas com os sócios). Esta liquidação da dívida deverá ser paga em dez anos.

Sem entrar no mérito do funcionamento do Panamericano e dos fatores que levaram a sua crise, para nossa análise setorial, a dúvida principal paira sobre como a Sisan Empreendimentos Imobiliários, braço imobiliário do grupo, fará a gestão da sua marca, para tornar-se uma das principais alternativas para o grupo retomar a credibilidade e rentabilidade. A empresa está no mercado desde 1990 e possui vários reconhecimentos como o Prêmio Master Imobiliário de 2007, o Top Imobiliário de Performance de Vendas 2007 e o prêmio Internacional Fiabci Prix D’excellence 2008.



A empresa trabalha com condomínios residenciais, hotéis e shoppings, todos com um bom nível de diferenciação de produto. Um bom exemplo de empreendimento de sucesso feito pela Sisan foi o Platinum Building Berrini, uma torre de escritórios em São Paulo, no coração da cidade. Neste mês a Sisan também lançou próximo da Avenida Paulista o Central Park Club & Residence, que terá alguns diferenciais, como: conforto, ótimo projeto, área de lazer, segurança, infraestrutura e a preservação de algumas casas históricas.

Fica a incógnita se a Sisan continuará seu ciclo de evolução dos últimos anos e se poderá se tornar uma das bases para a retomada da credibilidade do grupo, extremamente impactado pelo descrédito quanto ao seu braço financeiro - o Banco Panamericano. Confira mais detalhes da performance da empresa no relatório 2009 do grupo.


Edifício Platinum

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial