Em Pleno Século XXI, Barreiras Continuam sendo Construídas

By | quinta-feira, dezembro 30, 2010 9 comments

O governo israelense segue firme no propósito de construir um muro ao longo da fronteira sudoeste com o Egito. O propósito maior é cessar o fluxo de centenas de refugiados africanos. Muitos destes estão fugindo de conflitos ou procurando uma situação melhor no Estado Judeu. O exército israelense informou que são cerca de 200 imigrantes que chegam ao país semanalmente e grande parte são sudaneses.

O muro irá custar cerca de 360 milhões de dólares e consiste basicamente de uma barreira de segurança, equipado com instrumentos de vigilância. A nova barreira segue uma tendência de isolamento, que iniciou com o Líbano, Síria, Cisjordânia e Jordânia. 

Agora, serão 250 quilômetros de barreira ao longo da fronteira sudoeste com o Egito. Em paralelo, o Egito está construindo uma barreira de aço subterrânea na fronteira com a Faixa de Gaza, com o intuito de melhorar o controle dos movimentos ao longo da fronteira, seja de alimentos ou suprimentos. A construção do muro de aço, das torres de observação tem causado tensão entre o Egito e outros países da região. 

Observem algumas fotos das barreiras:

Fronteira Israel - Egito

Fronteira Gaza-Egito

Fronteira Egito-Israel

Fronteira Israel-Egito

Fronteira Gaza

Fronteira Israel-Egito
Se esta moda pegar, vamos ter países cada vez mais isolados, indo na contra-mão da história. Depois da queda do muro de Berlim, parece inadmissível algo neste sentido... 


Muro de Berlim (já derrubado)


Apesar de que os norte-americanos continuam firmes na Operação Guardião. Um dos marcos desta operação é o muro construído na extensão da fronteira Tijuana-San Diego, que continua sendo monitorada. São 3 barreiras de contenção, iluminação de alta intensidade, detectores de movimento, sensores eletrônicos e equipamentos de visão noturna integrados com a polícia de fronteira dos Estados Unidos. Além, é claro, da vigilância com veículos e helicópteros. Outras partes foram levantadas nos estados do Arizona, Novo México e Texas. 


Tijuana

Tijuana

Tijuana
Penso que a engenharia e os recursos alocados poderiam ser utilizados para outros fins. Qual a sua opinião?
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Postar um comentário

Comente com sua conta do Facebook