Blog: CAIXA PARTICIPA DA 20ª EDIÇÃO DA FEIRA DE IMÓVEIS EM CURITIBA

By | quinta-feira, setembro 22, 2011 Leave a Comment
Evento conta com a participação da CAIXA desde a primeira edição

A Caixa Econômica Federal participará da Feira de Imóveis 2011, evento que reunirá as principais empresas do ramo imobiliário com atuação no estado do Paraná e diversas entidades relacionadas ao setor da construção civil. 

O evento acontecerá de 28 de setembro (quarta -feira) a 02 de outubro (domingo) na EXPO Unimed, anexo à Universidade Positivo, e é promovido pela Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (ADEMI) do Paraná, tendo apoio dos mais importantes órgãos do setor, como CRECI-PR, COFECI, SECOVI-PR, SINDUSCON-PR e ASBEA-PR. 

Além de patrocinadora, a CAIXA também apresentará ao público visitante toda sua linha de produtos e serviços, como financiamento de imóveis novos ou usados, reforma, construção, aquisição de terreno ou de material de construção. Em estande próprio haverá uma equipe de gerentes da CAIXA para atendimento aos interessados, oferecendo orientações e simulações sobre as linhas de crédito habitacional. 

BALANÇO HABITAÇÃO 

No primeiro semestre de 2011, a CAIXA fechou 42.072 contratos habitacionais, totalizando R$ 2,7 bilhões em financiamentos no Paraná. Em todo o país, foram liberados R$ 34,7 bilhões para habitação, valor 3,4% superior ao mesmo período de 2010. Em 2011, a CAIXA registrou uma média de R$ 269,6 milhões e 3.889 contratos ao dia, sendo que 51% das famílias beneficiadas têm renda de até 10 salários mínimos. 

No Paraná os financiamentos com recursos da poupança foram responsáveis por R$ 1,2 bilhão dos valores contratados. Por sua vez, as contratações com recursos do FGTS corresponderam a R$ 1,5 bilhão. O financiamento para material de construção tem destaque no estado no primeiro semestre com um volume de R$ 205,8 milhões contratados, apresentando um crescimento de 36%. 

Em Curitiba, os financiamentos com recursos da poupança foram responsáveis por R$ 524,1 milhões dos valores contratados. Por sua vez, as contratações com recursos do FGTS corresponderam a R$ 456,6 milhões. 

Pelo Programa Minha Casa Minha Vida, no Brasil, 550 mil pessoas foram beneficiadas com 167 mil novas moradias, totalizando um volume de R$ 12,6 bilhões investido no primeiro semestre. No mesmo período, o Paraná fechou 11.232 contratos no valor de R$ 716 milhões, beneficiando 45,6 mil pessoas. Já a capital paranaense totalizou R$ 425 milhões em investimentos, beneficiando 15,4 mil pessoas beneficiadas com 4.685 novas moradias, até o dia 10/08. 

PRINCIPAIS PRODUTOS HABITACIONAIS 

Carta de Crédito SBPE 
Esta Linha de crédito permite o financiamento de imóveis residenciais novos em até 30 anos. Ela utiliza os recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) e pode ou não estar enquadrada nas condições do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), dependendo dos valores do imóvel e do financiamento a ser adquirido. 

O cliente pode contar com taxas diferenciadas de juros, se optar por ter os encargos mensais do seu financiamento debitados em conta corrente na CAIXA ou descontados em folha de pagamento. Para a opção pelo débito em folha de pagamento, é preciso que a empresa seja conveniada à CAIXA. 

CONSTRUCARD CAIXA 
Linha de crédito destinada à aquisição de materiais de construção, inclusive armários embutidos, piscina, elevador e aquecedor solar. As compras são efetuadas nos estabelecimentos comerciais credenciados pela CAIXA, por meio de cartão específico. 

PROGRAMA – MCMV 2 
A segunda fase do Programa Minha Casa, Minha Vida, lançada em junho de 2011, prevê a construção de 2 milhões de unidades habitacionais até 2014. Serão investidos R$ 125,7 bilhões entre 2011 e 2014. Desse total, R$ 72,6 bilhões são para subsídios e R$ 53,1 bilhão serão destinados a financiamentos. 

A nova fase do programa conta com melhorias nos projetos das casas e apartamentos, que terão que ter piso de cerâmica em todos os ambientes. Também haverá um limite mínimo para o tamanho de portas e janelas, a fim de assegurar melhoria nas condições de iluminação e ventilação. A área das moradias ficou em 39,6 m² para as casas e 45,5 m² para os apartamentos e o valor dos imóveis a serem comprados pela famílias de baixa renda ficou em R$ 150 mil para Curitiba e R$ 130 mil para a região metropolitana, que podem ser adquiridos por famílias com renda de até R$ 5 mil. 

Carta de Crédito FGTS 
É uma linha de financiamento que utiliza recursos do Fundo para ajudar na compra de um imóvel. Não é necessário ter depósitos na conta vinculada do FGTS para contratar o serviço. 

COMO UTILIZAR O PROGRAMA – O que é necessário para contratar a Carta de Crédito FGTS e utilizá-la na compra de um imóvel: 
1. Informar-se sobre o produto 
Ir a uma agência da CAIXA e conversar com o gerente. Além de tirar as dúvidas, ele informará toda a documentação necessária para solicitar o financiamento. 

2. Entregar a documentação pessoal 
Com base na documentação, a CAIXA efetuará a Pesquisa Cadastral e a Análise da Capacidade de Pagamento. Se tudo correr bem, receberá a Carta de Crédito FGTS, válida por 15 dias. 

3. Entregar a documentação do imóvel 
Com a Carta de Crédito, providenciar a documentação referente ao imóvel para que sejam providenciadas as avaliações do imóvel e de risco da operação. 

4. Assinatura do contrato 
Se as avaliações forem bem sucedidas, basta comparecer à agência para assinar o contrato e recolher as taxas necessárias ao processo. Os recursos serão liberados quando for apresentado, na agência, o contrato registrado em cartório. 

SIMULADOR DE EMPRÉSTIMO DA CAIXA 
O Simulador de Financiamentos Habitacionais da Caixa foi criado para auxiliar o cliente no financiamento de imóvel e se tornou uma das ferramentas mais importantes do site do banco , com milhões de pesquisas realizadas por quem deseja adquirir um imóvel residencial ou comercial e está disponível no endereço www.caixa.gov.br

Além disso, a possibilidade de visualizar vários cenários e valores dá às pessoas uma maior segurança em escolher os valores e produtos que mais lhe convêm. 

O simulador disponibiliza, também, o cálculo do Custo Efetivo Total (CET). O correntista obtém o resultado incluindo todos os custos envolvidos na operação. 

Após efetuar a pesquisa é possível ter acesso a uma planilha simplificada que oferece ao cliente a informação do percentual do CET calculado para o valor de financiamento pretendido. 

A inclusão do CET atende resolução do Banco Central e permite que o usuário saiba, efetivamente, quanto custará o empréstimo. Além dos juros, são incluídos outros encargos, como seguros obrigatórios ou tarifas de abertura de crédito. 

Facilidade online – A operação está disponível na página principal do site, cabendo ao usuário escolher o tipo de imóvel que deseja financiar, a categoria, cidade em que está localizado, o valor aproximado e a renda familiar bruta. 

Com base na combinação dos dados, são processados na tela os produtos que podem ser contratados. No entanto, a simulação não serve como proposta e tem a função de nortear nas questões relativas a valores de encargo e de endividamento máximo permitido. 

Crédito Pessoal com Garantia de Imóvel - Trata-se de uma linha de crédito que o cliente utiliza para qualquer necessidade, com até 180 meses para pagamento. Para solicitá-la, é necessário possuir uma conta corrente e apresente um bem imóvel como garantia. O limite de crédito é concedido de acordo com a capacidade de pagamento do cliente e pode chegar a até 70% do valor de avaliação do imóvel. Na Caixa, a operação se destaca pela amplitude das condições oferecidas. Para ter acesso ao crédito, o cliente só precisa ter um lote urbano, ou um imóvel comercial ou residencial, mesmo alugado ou ocupado, que possa ser apresentado como garantia (alienação fiduciária), e que esteja desembaraçado de quaisquer ônus. Para empréstimos de até R$200 mil poderá ser aceito o carnê do IPTU, em substituição à avaliação pela engenharia da Caixa. 

Fonte:
Assessoria de Imprensa da CAIXA – Regional Curitiba 
Fones (41) 3544-5613 / 5640 / 5641 
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial