Caixa Econômica Federal reduz teto no crédito imobiliário de 90% para 80%

By | quarta-feira, agosto 16, 2017 Leave a Comment

No financiamento de imóveis usados, o percentual máximo do financiamento foi reduzido para 70% ou 60%, dependendo da linha.


A partir de hoje (16), a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL reduziu o teto do valor dos financiamentos para aquisição da casa própria. As regras valem para os novos contratos.

Veja como ficou:

1) Programa Minha Casa, Minha Vida
  • SAC: teto de 90% para 80%, em todas as modalidades.
  • PRICE: Quota mantida para todas as modalidades.
2) Pró-Cotista
  • SAC: 90% para 80%, em todas as modalidades
  • PRICE: de 70% para 60% (imóvel usado); quota mantida para as demais modalidades.
3) Carta de Crédito FGTS
  • SAC: de 90% para 80%, em todas as modalidades.
  • PRICE: de 80% para 70% (imóvel usado); quota mantida para as demais modalidades.
4) SBPE/SFH

As regras são diferentes para servidores públicos e para os demais clientes.
  • SAC (servidor público): de 90% para 80%, para imóvel novo, adjudicado, repasse empreendimento, construção em terreno próprio e aquisição de terreno e construção; quota mantida para as demais modalidades.
  • PRICE (servidor público): quota mantida para todas as modalidades.
  • SAC (demais clientes): de 90 para 80% (imóvel adjudicado/CAIXA); quota mantida para as demais modalidades.
  • PRICE: quota mantida para todas as modalidades.

5) SBP/SFI

As regras são diferentes para servidores públicos e para os demais clientes.
  • SAC (servidor público) : de 90% para 80% (imóvel novo, imóvel adjudicado CAIXA, repasse empreendimento/construção em terreno próprio, aquisição de terreno e construção); quota mantida para as demais modalidades.
  • PRICE: quota mantida para todas as modalidades.
  • SAC (demais clientes): de 90% para 80% (imóvel adjudicado/CAIXA); quota mantida para as demais modalidades.
  • PRICE: quota mantida para todas as modalidades.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial