@edvaldocorrea
Palestras destacam ações para modernização da indústria da construção no Brasil e no Uruguai Palestras destacam ações para modernização da indústria da construção no Brasil e no Uruguai

Palestras destacam ações para modernização da indústria da construção no Brasil e no Uruguai

Tema foi apresentado pela diretora Técnica da ABRAMAT - Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção, Laura Marcellini e pela Ministra De Vivienda Y Ordenamiento, Irene M. Fernandez.

A construção civil sempre foi um dos mais importantes setores na economia pelo imenso potencial de geração de postos de trabalho e renda. Em meio a um cenário de dificuldades impostas pela pandemia, especificamente o setor de construção industrializada esteve em destaque contribuindo positivamente seja pela possibilidade da redução do déficit habitacional ou com o aumento da qualidade de vida, com obras de infraestrutura, entre outras iniciativas.

Modelos de sucesso no Brasil e no Uruguai foram destaque na tarde desta sexta-feira (10/06) no 5o Congresso Latam Steel Frame & Sistemas Industrializados, que acontece no Centro de Convenções SENAC, em São Paulo.

O representante brasileiro falou do lançamento do programa Construa Brasil, apresentado em palestra inédita. O programa é sustentado em três elementos centrais que foram apresentados aos participantes. O primeiro deles é a desburocratização. Para contribuir ainda mais com o desenvolvimento do país, a indústria da construção precisa de desburocratização. O Ministério da Economia colocou metas para padronizar e simplificar os Códigos de Obras e Edificações e para melhorar o processo de concessão de alvarás de construção. O segundo aspecto é a digitalização. Para acompanhar as transformações tecnológicas, a construção precisa se digitalizar, e o BIM é a porta de entrada para isso. O Ministério da Economia possui diversas metas para disseminar a utilização desta inovação e, com isso, reduzir o desperdício e aumentar a produtividade e a transparência no setor. Por fim, a industrialização. A construção está se modernizando pelo mundo e, no Brasil, esse processo precisa ser acelerado.

O modelo do Uruguai, foi apresentado na sequência, com a presença da Ministra De Vivienda y Ordenamiento, Irene M. Fernandez. Em sua fala, lembrou que o índice de déficit habitacional no país vizinho ao Brasil parece pequeno, mas proporcionalmente à sua população é um caso bem preocupante. Por isso, o governo investiu na construção de moradias populares.

"Promovemos ações para mudar essa realidade. Um dos nossos focos foi a geração de emprego. A taxa de desemprego que era de 9%, hoje está perto de 7%. Também buscamos a reativação da economia no pós pandemia e direcionamos o olhar para solucionar problemas de habitação na classe média, classe média baixa e baixa", disse.

Ministra De Vivienda Y Ordenamiento, Irene M. Fernandez.
(Marcelo Matusiak)

Diretora Técnica da ABRAMAT, Laura Marcellini
(Marcelo Matusiak)

Diretora Técnica da ABRAMAT, Laura Marcellini
(Marcelo Matusiak)

Diretora Técnica da ABRAMAT, Laura Marcellini
(Marcelo Matusiak)

Ministra De Vivienda Y Ordenamiento, Irene M. Fernandez.
(Marcelo Matusiak)

O 5º Congresso Latam Steel Frame & Sistemas Construtivos acontece nos dias 09 e 10 de junho de 2022, no Centro de Convenções Senac. 

Mais informações podem ser obtidas no site https://congressosteelframe.com.br/

0 Comentários