Odebrecht e Eike Batista avançam na licitação do Maracanã

By | quarta-feira, maio 01, 2013 Leave a Comment

O Governo do Rio de Janeiro concluiu, nesta segunda-feira (29/4), a segunda fase da licitação de concessão administrativa para a gestão, operação e manutenção do Complexo do Maracanã. Dois consórcios foram habilitados para participar da concorrência. Nesta fase, foram analisadas as propostas econômicas e técnicas. O resultado será publicado no Diário Oficial desta terça-feira (30/4).

O Consórcio Maracanã - composto pela Odebrecht Participações e Investimentos S.A., IMX Venues e Arena S.A. e AEG Administração de Estádios do Brasil LTDA. - obteve o primeiro lugar com nota final de 98,26 pontos. Em segundo lugar, ficou o Consórcio Complexo Esportivo e Cultural do Rio de Janeiro - composto por Construtora OAS S.A., Stadion Amsterdam N.V. e Lagardère Unlimited -, com nota final de 94,4624 pontos.


A próxima etapa será a abertura da documentação de habilitação da licitante classificada em primeiro lugar, que acontecerá no dia 9 de maio, às 10h, no auditório do prédio anexo do Palácio Guanabara. Somente após o julgamento dos documentos e esgotada a fase de recursos, será anunciado o vencedor da licitação.O consórcio formado pela empreiteira Odebrecht e pelo empresário Eike Batista deu mais um passo rumo à vitória no processo de licitação do Maracanã.


O processo é alvo de críticas porque a IMX, de Eike Batista, foi encarregada de realizar o estudo de viabilidade econômica do complexo.

Segundo o levantamento, os lucros do vencedor da licitação podem chegar a R$ 1,4 bilhão durante o período da concessão.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Postar um comentário

Comente com sua conta do Facebook